Rui Faria separa-se de José Mourinho 17 anos depois

Rui Faria separa-se de José Mourinho 17 anos depois

Rui Faria trabalhou 17 anos com José Mourinho, em seis clubes de quatro países: União de Leiria, FC Porto, Chelsea, Inter de Milão, Real Madrid e Manchester United.

"Os meus sinceros agradecimentos vão para José Mourinho, por ter acreditado em mim há tantos anos, quando eu era apenas um estudante com muitos sonhos". 17 anos e agora a criança já é um homem. Adjunto de longa data de José Mourinho - trabalharam lado a lado desde que ambos iniciaram a carreira, a partir de 2001 -, Rui Faria diz que esta decisão, tomada com muita ponderação, foi tomada por ter sentido a necessidade de passar algum tempo com a sua família antes de dar um passo em frente na carreira. "Quero agradecer-lhe pela oportunidade e confiança, pelo conhecimento, mas acima de tudo pela amizade", afirmou Rui Faria, citado pelo site do Manchester United.

"Um muito obrigado também à equipa técnica e aos jogadores que, de diferentes formas, tiveram uma importante contribuição no meu crescimento como pessoa e profissional", concluiu Rui Faria. Treinar, jogar, viajar, estudar, rir e algumas lágrimas de alegria. "O estudante inteligente é um especialista de futebol, pronto para uma carreira bem sucedida enquanto treinador". O próprio José Mourinho comentou essa possibilidade, afirmando que não se importa de perder o seu adjunto e "grande amigo" para o clube londrino.

O técnico de Barcelos, com residência em Balugães, ainda não desvendou qual será o seu futuro, apesar do seu nome estar associado ao Arsenal. Contudo, a felicidade dele é mais importante e, como é óbvio, respeito a sua decisão.

Artigos relacionados