Gilmar Mendes manda soltar acusado de operar propina para tucanos

Gilmar Mendes manda soltar acusado de operar propina para tucanos

O mais recente exemplo que envolve a atuação de Gilmar Mendes [VIDEO] no Supremo Tribunal Federal (STF), trata-se da soltura nesta sexta-feira (11), de Paulo Vieira de Souza, conhecido popularmente como "Paulo Preto". Ex-diretor da Dersa, estatal paulista responsável pelas rodovias, Paulo Preto foi preso em 6 de abril pela 5ª Vara Criminal Federal em São Paulo, a mesma que aceitou denúncia contra ele pelo desvio de R$ 7,7 milhões, entre 2009 e 2011, durante o governo de José Serra (PSDB).

Segundo o ministro, há apenas a palavra de Mércia para embasar as supostas ameaças, o que seria insuficiente para manter Paulo Preto preso.

Ante o exposto, defiro a medida liminar para suspender a eficácia do decreto de prisão preventiva de Paulo Vieira de Souza, o qual deverá ser posto em liberdade, se por outro motivo não estiver preso.

O mesmo habeas corpus de Preto já havia sido negado pela Quinta Turma do Superior Tribunal de Justiça (STJ), no início deste mês. "Aparentemente, a fundamentação da prisão preventiva não revela os reais propósitos da medida", escreveu o magistrado. "De acordo com o Ministério Público Federal em São Paulo (MPF-SP), ao menos três ameaças foram recebidas por ela e sua irmã nos últimos dois anos".

Para Gilmar Mendes, além da "comprovação do ocorrido não ser sólida", não há indício da autoria das ameaças por parte de Souza. "A prisão preventiva é fundada no suposto interesse do paciente em impedir os depoimentos da corré", afirma o ministro.

A defesa declarou que o STF reconheceu a ilegalidade da prisão de Paulo Vieira de Souza e que ele vai provar sua inocência.

O Ministério Público da Suíça informou que R$ 113 milhões foram encontrados em contas ligadas a ele no exterior. O dinheiro estava em quatro contas bancárias, abertas em 2007, por uma offshore que fica no Panamá, cujo beneficiário é Paulo Preto. Ele é acusado de ser o operador de Serra em desvios de recursos do Rodoanel em São Paulo.

Artigos relacionados