Kendrick Lamar ganha importante prêmio do jornalismo pelo álbum "DAMN"

Kendrick Lamar ganha importante prêmio do jornalismo pelo álbum

Kendrick deu um passo além na carreira já que há alguns minutos a organização do Prêmio Pulitzer, um dos mais respeitados dos Estados Unidos, anunciou que ele era o vencedor na música por conta do disco DAMN.

Lamar, de 30 anos, é o primeiro rapper a vencer o prestigioso prêmio. O Pulitzer ocorre após os cinco prêmios Grammy conquistados por Lamar em janeiro pelo álbum.

Nascido na região de Compton, em Los Angeles, Lamar é reconhecido tanto por sua ousadia estética como pela capacidade de criar versos pungentes ligados a temas sociais e a canções de amor.

O prêmio foi entregue à equipe do New York Times liderada pelos jornalistas Jodi Kantor e Megan Twohey, assim como ao colaborador da New Yorker Ronan Farrow, pelos impactantes artigos que derrubaram o magnata de Hollywood e provocaram uma avalanche de denúncias contra outros homens poderosos, dando origem ao movimento global #MeToo. No site ofical do Pulitzer, o disco foi descrito como "uma coleção virtuosa de músicas unificada por sua autenticidade e dinamismo rítmico que oferece uma visão que captura a complexidade da vida moderna dos afro-americanos".

Segundo a Associated Press, essa é a primeira vez desde 1917, quando o Pulitzer surgiu, que um artista vence o prêmio sem estar ligado à música clássica ou ao jazz.

Reuters - Esta publicação inclusive informação e dados são de propriedade intelectual de Reuters. Todos os direitos reservados.

Artigos relacionados