Possível ministra do Trabalho mente idade em aplicativo de paquera

Possível ministra do Trabalho mente idade em aplicativo de paquera

ANTONIO TEMÓTEOO Tribunal Regional Federal da 2ª Região (TRF-2) manteve a proibição da posse da deputada Cristiane Brasil no Ministério do Trabalho, mas o carro oficial da Pasta está transitando tranquilamente por Brasília, com combustível pago pelo contribuinte. O que é muito engraçado é essa história da idade. "Não precisava dessa bobeira?", afirmou uma pessoa próxima a ela para o blog do Vicente, do "Correio Braziliense", que revelou o fato.

De acordo com o blog, as imagens dela no aplicativo foram capturadas entre novembro e dezembro de 2017, quando a parlamentar ainda estava loira -atualmente, ela tingiu os cabelos de preto. Ainda segundo a publicação, a conta, que teria sido desativada em março de 2017, foi reativada próxima ao Réveillon. Lembrando que decisão da Justiça impediu que a deputada assumisse o Ministério do Trabalho. O mais curioso é que a nomeação foi por indicação do ex-deputado Roberto Jefferson, presidente do PTB, pai da moça e delator do mensalão que foi condenado a 7 anos e 14 dias de prisão pelos crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro.

Artigos relacionados