'O Outro Lado do Paraíso': Enfermeira Suzy flagra o marido com Cido

'O Outro Lado do Paraíso': Enfermeira Suzy flagra o marido com Cido

E quando Samuel adentra o hospital e cumprimenta a ex, ela dispara, na frente de todos, que o marido sempre foi gay e que só casou com ela para ter uma fachada.

Ao chegar de surpresa ao flat onde Samuel (Eriberto Leão) se encontra com o amante, Suzy não vai acreditar quando Cido abrir a porta e ela visualizar o médico completamente transformado em uma mulher, ou seja, de peruca, batom e o pior, com suas calcinhas.

Conforme já noticiamos aqui no TV Foco, a atual novela das nove da Globo, O Outro Lado do Paraíso, alcançou na última quinta-feira (11) sua maior audiência desde a estreia.

Caracterizado com calcinha, maquiagens e roupas sensuais, Samuel se jogará aos pés da enfermeira Suzy (Ellen Roche) com quem é casado há mais de dez anos, e implorará para a moça não o agredir ou contar a todos o que viu. Isso porque, logo depois da separação, a enfermeira descobre que saiu do casamento grávida e, sem outra saída, resolve morar com o ex-marido e o namorado.

Na sua conversa com Clara, ela dirá que sente vontade de explodir, sendo orientada pela mulher a fazer exatamente isso: "E daí? Bicha! Bicha! Bichas!", grita.

3/6Na novela, há um senso de vida dupla tradicional, com a trama de Samuel (Eriberto Leão), que é diretor de um hospital e tem uma aparência austera e atitude homofóbica.

Nas próximas cenas, o psiquiatra Samuel fará um acordo fianceiro com Suzy para que ela mantenha o ocorrido em segredo, no entanto, Clara influenciará a moça a desistir do combinado. Gay, gay! Meu marido é gay! Eu, boba, nem desconfiava. Minha! É, ele roubava minhas calcinhas. "Asneiras? Esse ser vivia no armário". Além de tudo, ela é má. "O tipo mais falso, mais amargo, que pode existir", afirmará. "Eu casei com um tigrão que era tigrete".

Artigos relacionados