Líderes de países do sul da Europa defendem política de migração compartilhada

Líderes de países do sul da Europa defendem política de migração compartilhada

Representantes de países do Sul da Europa pediram nesta quarta-feira (10), durante a IV Cúpula dos Países do Sul da União Europeia (UE), em Roma, que o peso dos fluxos migratórios seja compartilhado com os outros Estados-Membros.

A declaração também expressou que os países do sul são os mais afetados pela onda de migração, e um chamado foi feito à União Européia (UE) para distribuir a carga. "Nosso papel e o ônus de proteger essas fronteiras devem ser reconhecidos e compartilhados pela UE", afirmaram os líderes em declaração conjunta.

A par de António Costa, no encontro estiveram presentes os primeiros-ministros de Itália, Paolo Gentiloni, de Malta, Joseph Muscat e da Grécia, Alexis Tsipras, bem como o Presidente do Governo de Espanha, Mariano Rajoy, e os Presidentes de França, Emmanuel Macron, e de Chipre, Nicos Anastasiades.

"A UE terá de intensificar a sua luta contra o tráfico de seres humanos e novas formas de escravidão, garantir os direitos humanos de todas as pessoas e proteger os que necessitam de proteção internacional, em particular os grupos mais vulneráveis", acrescenta o documento.

Os sete países asseguraram que estão "firmemente comprometidos com uma política de migração comum" para evitar fluxos irregulares e massivos, comprometendo-se a abordar as causas do fenómeno, cooperando com os países de origem.

Itália e Grécia são a primeira parada dos refugiados da Ásia do Oeste e África. "Precisamos de uma União Europeia mais coesa, na qual as diferenças entre o Norte, Sul, Oriente e Ocidente sejam reduzidas".

Em Julho passado, por ocasião de um almoço de trabalho de António Costa com o então recém-eleito Presidente francês, no Palácio do Eliseu, em Paris, ambos já tinham anunciado que Macron se deslocaria no início de 2018 a Portugal para participar numa cimeira sobre interligações, depois daquela celebrada em Madrid em 2015.

Artigos relacionados