Economistas elevam para 1% expectativa para expansão do PIB brasileiro em 2017

Economistas elevam para 1% expectativa para expansão do PIB brasileiro em 2017

O PIB deve registrar crescimento de 1% em 2017, contra a estimativa de 0,98% da semana passada, segundo o levantamento divulgado nesta terça-feira (2).

O Produto Interno Bruto é a soma de todos os bens e serviços produzidos no país e serve para medir a evolução da economia.

A previsão dos 100 analistas que fazem projeções para os principais indicadores da economia para o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA), a inflação oficial, é que 2018 termine com uma taxa de 3,96% - número inferior ao centro da meta.

A meta de inflação para 2017 e 2018 é de 4,5 por cento pelo IPCA, com margem de 1,5 ponto percentual para mais ou menos.

A expectativa em relação à taxa básica de juros, a Selic, já foi concretizada. Já para 2018, o prognóstico do PIB subiu para 2,70%. Entre os economistas com melhores previsões, a estimativa da Selic ficou em 6,50%.

Ou seja, o mercado continua estimando redução dos juros no decorrer de 2018.

Os economistas consultados pelo BC esperam que o dólar encerre o ano a R$ 3,30.

A aposta para o saldo da balança comercial no ano corrente ficou em US$ 66 bilhões.

Na edição desta semana do relatório Focus, a projeção do mercado financeiro para a taxa de câmbio no fim de 2018 avançou de R$ 3,32 para R$ 3,34. E para 2018, ficou em US$ 52,50 bilhões.

Artigos relacionados