V. Guimarães despede-se com empate

V. Guimarães despede-se com empate

Na antecâmara da sexta e última jornada do grupo I, o Konyaspor, terceiro com cinco pontos, e o Vitória, quarto com quatro, precisam, além de um triunfo, de uma vitória dos austríacos do Salzburgo, líderes com 11 pontos, em França, no terreno do Marselha, segundo com sete, para seguirem em frente na prova.

A equipa de Pedro Martins precisa de um pequeno grande "milagre".

Um golo de Mehdi Bourabia (15') traçou praticamente o destino dos vitorianos na competição, que teve como ponto alto a vitória sobre o Marselha, mas que revelou falta de força para evitar uma despedida de cabeça baixa.

"Poderíamos ter sido mais experientes. Se esta caminhada começasse agora, provavelmente as mentes dos atletas mais jovens teriam sido diferentes, mas é o que é", analisou.

Afastado da Liga Europa depois do empate com o Konyaspor, Pedro Martins disse que o Vitoria vai agora focar-se nas provas internas.

No final do encontro, as duas equipas saíram do relvado a saber que estavam afastadas da Liga Europa. Não entramos muito bem, não porque o adversário fosse superior.

Guimarães empatou esta quinta-feira, por 1-1, na recepção aos turcos do Konyaspor, vendo desfeitas as últimas esperanças de apuramento para os 16 avos-de-final da Liga Europa, que os minhotos concluíram na última posição do Grupo I.

Artigos relacionados