Turismo do Centro quer mudar ideia de que destino foi todo atingido

Turismo do Centro quer mudar ideia de que destino foi todo atingido

O Centro de Portugal será o Destino Convidado da BTL 2018. "Há um conjunto de situações que aconteceram este ano e que fazem todo o sentido para esta escolha", frisou a Diretora de Coordenação de Exposições na Feira Internacional de Lisboa (FIL) e responsável pela BTL, Fátima Vila Maior. "Houve um grande mediatismo e nós queremos que esse mediatismo seja transportado para o ano de 2018", justificou Fátima Vila Maior.

Para isso contribui a enorme diferenciação de produtos turísticos de que é feita a região que, se perdeu pujança e oferta em segmentos como o turismo de natureza ou o turismo activo, continua a mantê-la em termos de património cultural, turismo religioso, desportos relacionados com o mar, turismo de saúde e bem-estar.

A conferência de imprensa contou com as presenças de Paulo Brehm, da APAVT, e Pedro Machado, Ribau Esteves e Jorge Loureiro, todos elementos da direção do Turismo Centro de Portugal.

O presidente do Turismo do Centro de Portugal lembrou a importância que é para qualquer região, e neste caso para o Centro em particular, a presença na BTL. "A BTL é a maior montra e o maior evento de promoção turística a nível nacional, enquanto feira". Esta manhã foi Pedro Machado, da Região de Turismo do Centro, que veio explicar a estratégia em curso, que passa por uma forte presença na próxima BTL-Bolsa de Turismo de Lisboa, e por difundir que após a tragédia dos incêndios o Centro de Portugal está a reerguer-se em perfeitas condições para corresponder ao crescimento da procura. A nossa grande prioridade está a ser trabalharmos para mudar essa perceção.

Artigos relacionados