Ministro Bruno Araújo entrega carta de demissão a Michel Temer

Ministro Bruno Araújo entrega carta de demissão a Michel Temer

Em meio à crise na qual o PSDB tenta decidir se deixa ou não a base aliada do governo de Michel Temer, o ministro das Cidades, Bruno Araújo, entregou nesta segunda-feira (13) sua carta de demissão no Palácio do Planalto, dando início ao desembarque dos tucanos. "Agradeço a confiança do meu partido, no qual exerci toda a minha vida pública, e já não há mais nele apoio no tamanho que permita seguir nessa tarefa", afirmou o agora ex-ministro, que volta a assumir seu mandato como deputado federal por Pernambuco. A iniciativa repassa, a beneficiários do Minha Casa, Minha Vida, uma quantia para que eles reformem as residências. A ideia do Planalto era tirar dois ministros do PSDB - Bruno era um deles.

O corte na última vaga deve ficar entre a ministra de Direitos Humanos, e o ministro-chefe da Secretaria de Governo, Antônio Imbassahy.

No texto, Bruno ressalta ainda atos conquistados durante sua passagem pelo ministério e agradece ao presidente e à equipe com a qual trabalhou.

Artigos relacionados