Inter viaja sem Danilo Silva para pegar o Luverdense; Sasha será avaliado

Inter viaja sem Danilo Silva para pegar o Luverdense; Sasha será avaliado

Nesta noite, em confronto que abriu a 34ª rodada da competição, o time gaúcho enfrentou diversas dificuldades e ficou no 2 a 2 com o Luverdense no estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde, interior do Mato Grosso. Com muitas finalizações e muita movimentação pelos dois lados, o placar final ficou em 2 a 2. Alaor substituiu Marcos Aurelio.

O resultado deixou o Inter com 63 pontos na tabela de classificação, três a mais do que o América-MG, que tem duas vitórias a menos, no critério de desempate, dos gaúchos. A Luverdense chegou aos 40 pontos.

Logo no primeiro minuto, o gol relâmpago. Léo Ortiz tentou cortar, mas a bola sobrou para Alfredo, que deslocou Danilo Fernandes - 1 a 0 para os donos da casa. Surpresa com a Luverdense em vantagem no primeiro giro do cronômetro. Dois minutos mais tarde, o argentino arrematou novamente e Diogo Silva fez outra importante intervenção.

O jogo seguiu franco, com ambas as equipes trocando ataques. Mas o Inter não descansava, não desistia. Na jogada, Aderlan arrancou pela direita e cruzou rasteiro para a área. Aos 14, Douglas Baggio recebeu na direita e chutou cruzado, com perigo. O jogo tinha de tudo. Em uma delas, dentro da área, o capitão colorado finalizou de primeira de canhota, mas o arqueiro pulou no canto direito para agarrar a bola. Aos 40, Damião cabeceou e o goleiro do Luverdense não deu rebote. Aos 12 minutos, Rafael Ratão buscou o ângulo esquerdo e exigiu grande defesa de Danilo Fernandes. O jogo foi interrompido por dois minutos para atendimento médico. Ratão, cansado, saiu aos 45 e Cleo entrou. Aos 33 minutos, o empate. Aos 39, Damião desviou de cabeça e o goleiro do Luverdense se esticou todo para buscar a bola no canto esquerdo. Diogo Silva fez um milagre no Passo das Emas. Foi o camisa 99 que conseguiu encaixar um cruzamento sob medida para Damião escorar e deixar o dele. O Luverdense foi fatal na resposta.

No segundo tempo, Marcos Aurélio colocou o Luverdense na frente, fazendo 2 x 1 aos 2 minutos. Mas o Inter queria mais.

GOLS - Alfredo, aos 56 segundos, e Leandro Damião, aos 33 minutos do primeiro tempo; Marcos Aurélio, aos 2, e Leandro Damião, aos 6 minutos do segundo tempo. Aos 10 minutos, os jogadores se estranharam e saíram cartões para Sérgio Motta e Edenilson. Aos 29, Rafael Ratão chutou à queima-roupa e Danilo Fernandes espalmou providencialmente para o lado. Aos 42, D'Alessandro tentou mais uma vez o chute de fora da área, mas Diogo fez nova defesa. Cada minuto trazia uma surpresa. Com isso, o jovem Léo Ortiz foi titular na defesa.

Aos 18 minutos, Alfredo recebeu ótima bola, invadia a área pela esquerda, mas mandou direto nas placas de publicidade localizadas na linha de fundo.

E, de novo, o Luverdense pagou caro por perder o gol e acabou sofrendo aos 7 minutos. Ato contínuo ao gol, Damião teve que ser substituído por Nico López por conta de uma lesão muscular. Empurrado pela torcida, o Luverdense partiu para a pressão nos minutos finais. A última chance foi uma cobrança de falta de Paulinho. O jogo chegou ao final no animado 2 a 2, cheio de oportunidades e movimentação intensa.

Artigos relacionados