Acompanhe o placar ao vivo pelo Brasileirão — Fluminense x Coritiba

Acompanhe o placar ao vivo pelo Brasileirão — Fluminense x Coritiba

Coritiba: Wilson; Léo, Werley, Cleber, Carleto; Jonas, Alan Santos, Tiago Real, Yan; Rildo e Henrique Almeida. Tanto que o primeiro gol saiu só aos 43 minutos, com o zagueiro Werley. Henrique Dourado, Cleber Reis (contra e a favor) e Werley marcaram os gols da partida. A gente precisa retomar a confiança, ter ritmo de jogo e, infelizmente, nesse momento, o ritmo de jogo é zero. Ainda não se sabe se ele entrará em campo no início da partida ou será utilizado no decorrer dela devido ao seu logo período sem jogar.

O próximo jogo em casa será no próximo domingo (12), às 19h, contra a Ponte Preta. E vai ter promoção para a torcida! Em seu último confronto, o time teve uma bela atuação em conjunto, finalizando mais que o dobro de vezes do adversário, conseguindo assim a sua terceira goleada no campeonato.

Logo nos primeiros minutos de jogo, o Fluminense teve chance em uma cobrança de falta.

Marcos Jr e Henrique Dourado. Mas, ele estava em posição de impedimento e o bandeirinha apontou. O lateral mandou uma bomba, mas Digo Cavalieri defendeu com os dedos. Dá para dizer que foi um verdadeiro golaço do zagueiro Werley. O primeiro tempo parecia caminhar para um 0 a 0 quando Carleto - de quem saíram as principais jogadas ofensivas do Coritiba - cobrou escanteio na primeira trave. Alan Santos se esticou todo e mandou de cabeça pra Thiago Real, que marcou, no cantinho gol.

Henrique Almeida, ainda no primeiro tempo, diminuiu o placar para o Coxa. Aí, o inesperado aconteceu. O gol acabou com as pretensões do Fluminense e pôs os 9.597 pagantes contra o próprio time.

Perdendo o jogo, o técnico Marcelo Oliveira arriscou, colocou, de uma só vez, Kleber e Getterson em campo. Em seguida, quase que o Fluminense faz um gol contra com Matheus Alessandro. Também pelo alto, o Coritiba reagiu e, aos 24 minutos, Cléber Reis se redimiu do gol contra e decretou o empate em 2 a 2. O camisa 83 invadiu a grande área, mas a bola desviou em Wendel. Kleber reclamou que a bola bateu no braço do jogador do Fluminense, mas o juiz não considerou. Por outro lado, Kleber Gladiador ainda se recupera de dor na panturrilha.

A partir daí o Coritiba equilibrou as ações e chegou a envolver o time do Fluminense.

Em um final de jogo bem disputado, o Fluminense tentou ampliar, exigindo trabalho da zaga coxa-branca, mas o time conseguiu segurar o placar, que terminou empatado. E vai ter promoção!

Artigos relacionados