Trump adverte sobre "enorme poder destrutivo" de Irma e alerta população

Trump adverte sobre

O Irma encontra-se agora a 115 quilómetros de Key West, o ponto mais a sul dos Estados Unidos, na Florida, e move-se a nove quilómetros por hora.

"Peço para que todos que estiverem no caminho [da tempestade] se atentem as instruções do governo".

"Parece que Irma será um (furacão) realmente mau. A segurança deve vir em primeiro lugar", disse o presidente, em um vídeo publicado no Twitter. Estamos em constante comunicação com os funcionários estaduais e locais.

Trump também agradeceu aos funcionários do governo pelo trabalho "árduo e bravura". "Faremos os possíveis para salvar vidas e apoiar os necessitados", assinalou Trump.

Trump tem falado com regularidade com o governador da Flórida, Rick Scott, e com o senador Marco Rubio, ambos republicanos, e conversou no domingo com o senador Ben Nelson, democrata, completou a Casa Branca.

O presidente Donald Trump pediu aos cidadãos dos Estados Unidos que evacuem as áreas que podem ser atingidas pelo devastador furacão Irma.

A empresa Florida Power and Light, uma das principais do estado, indicou na sua página na Internet que mais de metade desses cortes foram sentidos na zona de Miami-Dade, onde cerca de 600 mil pessoas receberam ordem de retirada.

O furacão já esteve na categoria máxima na escala Saffir-Simpson (5), já passou para categoria 4 e agora desceu para 3, após ter tocado terra, na sexta-feira à noite, na costa norte de Cuba.

Artigos relacionados