MPF e Polícia Federal apuram possível massacre de índios no Amazonas

MPF e Polícia Federal apuram possível massacre de índios no Amazonas

O Ministério Público Federal do Amazonas (MPF-AM) iniciou investigações para apurar um suposto massacre de índios 'Flecheiros' isolados na área do Vale do Javari, interior do Estado próximo a fronteira com o Peru.

"Caso tais relatos sejam confirmados, o Presidente (Michel) Temer e seu governo possuem uma grande responsabilidade por este ataque genocida". A suspeita é que um grupo de garimpeiros ilegais tenha executado pelo menos dez pessoas -a Procuradoria não confirma o número nem a etnia dos índios assassinados. O local fica a cerca de 1.200 km da capital Manaus. A ONG Survival informou ao site "Correio do Povo" nesta sexta-feira (8) que dois garimpeiros foram presos. Ainda de acordo com a fundação, os garimpeiros não confirmaram as mortes e, até o momento, nenhuma prova material foi encontrada, "não sendo possível, portanto, confirmar a veracidade das mortes". Crianças e mulheres estariam entre os mortos.

Uma foto de satélite que mostra ocas queimadas na região, datada de dezembro de 2016, também foi divulgada pela organização. "Confirmamos as mortes de indígenas isolados e o Ministério Público Federal e a Polícia Federal estão investigando", informou o MPF.

"O corte no orçamento da Funai deixou dezenas de tribos isoladas sem defesa contra milhares de invasores, garimpeiros, fazendeiros e madeireiros, que estão desesperados para roubar e pilhar suas terras", declarou o diretor da Survival, Stephen Corry, em comunicado. Na semana passada, o MPF deflagrou uma operação na mesma área do suposto massacre indígena.

A ação foi realizada durante cinco dias, no período de 28 de agosto a 1º de setembro, e flagrou 16 dragas em funcionamento, durante sobrevoo no rio.

Segundo o procurador da República Alexandre Aparizi, além dos danos ambientais, o garimpo ilegal na região está fortemente associado à prostituição, ao tráfico de drogas, a crimes violentos e a condições precárias de trabalho.

Artigos relacionados