Maduro anuncia novo sistema de fixação de preços para 50 produtos

Maduro anuncia novo sistema de fixação de preços para 50 produtos

"Se eles nos perseguirem com o dólar, nós vamos usar o rublo russo, o iuan, o iene, a rúpia da Índia, o euro", disse Maduro.

Maduro assegurou que esta é a única maneira de o país superar a crise económica que atravessa, pela qual responsabilizou os comerciantes que inflacionam os preços "1000%" para enriquecerem.

"Um novo sistema internacional de pagamentos. Esta decisão vai abrir o caminho para um novo sistema monetário, financeiro, internacional, e libertar-nos da chantagem do dólar", disse.

"Peço a maior celeridade à AC, para que rapidamente tenhamos casas de câmbio abertas e alcancemos a estabilidade cambial, neutralizemos o dólar criminoso que todos os dias causa feridas na economia nacional", frisou.

Maduro estava se referindo a taxa Dicom de câmbio oficial da Venezuela, na qual o dólar compra 3.345 bolívares, de acordo com o Banco Central.

O Presidente da Venezuela acusa os Estados Unidos de, com o "bloqueio económico", estarem a impedir o país de comprar insulina e alimentos para distribuir às camadas mais pobres da população, a preços bonificados. "A insulina não pode vir porque estão a congelar os recursos", declarou.

Artigos relacionados