"Está lutando para sempre ajudar o Real Madrid" — Casemiro defende Bale

O internacional galês participou numa ação publicitária na capital espanhola, onde deu conta da ambição instalada no plantel do Real Madrid: "Fomos a primeira a equipa a ganhar duas Ligas dos Campeões seguidas".

"Tivemos um grande início de época, com dois títulos [as Supertaças espanhola e europeia], mas queremos continuar a ganhar". Na última quarta-feira foi diferente e acabou sendo igual, paradoxo cruel, porque o galês voltou para a esquerda e contribuiu muito com o Real Madrid, embora os assobios voltassem a aparecer para Chamartín. Acompanhe o site eleito pela Escolha do Consumidor 2017.

"Estamos no Real Madrid e toda a gente exige o máximo, mas assobiar o próprio jogador é algo que acontece por aqui pelos adeptos e o Gareth não merece isso. Quando se assobiam os jogadores, isso não ajuda", disse o médio.

Apesar de ter dado a assistência para o primeiro gol da partida, que veio dos pés de Cristiano Ronaldo, Bale não teve lá a atuação que se espera de um jogador que custou 100 milhões de euros (R$ 373,5 milhões, na cotação atual).

Artigos relacionados