Posse de Raquel Dodge é marcada para 18 de setembro

Posse de Raquel Dodge é marcada para 18 de setembro

Na noite de terça-feira (8), Temer recebeu no Palácio do Jaburu, sua residência oficial, a procuradora-geral da República nomeada.

Ela afirmou que se reuniu com o presidente para discutir a agenda de sua posse no cargo, em setembro.

A solicitação foi feita via endereço eletrônico da PGR para a secretaria do Palácio do Planalto.

Segundo a nota da equipe da nova PGR, os fatos que motivaram a reunião foram "institucionais" e o compromisso "sempre constou da agenda de Raquel Dodge".

Ela pediu, então, uma reunião formal, mas obteve um encontro informal.

Ela foi indicada para o cargo pelo presidente Michel Temer após composição da lista tríplice, em eleição feita pela Associação Nacional dos Procuradores da República. "O mandato do atual PGR terminará no dia 17 de setembro".

Os encontros noturnos fora da agenda de Temer no Jaburu têm causado polêmicas.

Atualmente, subprocuradora-geral da República, Raquel também atuou em matéria criminal no Superior Tribunal de Justiça, é mestre em direito pela Universidade de Harvard e integrante do Ministério Público Federal há 30 anos.

Raquel afirma que a Presidência confirmou a audiência para o fim da tarde de terça-feira (8) no Palácio do Planalto, mas que, naquela tarde, seu gabinete foi comunicado do atraso de Temer, que estava em São Paulo. No último contato, foi informado novo atraso e transferência do local da audiência para a residência oficial do Presidente.

A próxima procuradora-geral da República, Raquel Dodge, vai tomar posse no dia 18 de setembro. "Também fez ver ao Presidente ser próprio e constitucionalmente adequado que a posse fosse dada na sede da Procuradoria Geral da República".

Artigos relacionados