Jornal: Londres pronta a pagar até 40 mil milhões de euros

Jornal: Londres pronta a pagar até 40 mil milhões de euros

O valor de 40 mil milhões de euros foi noticiado ontem pelo "The Sunday Telegraph", jornal que cita responsáveis do governo britânico, que sob anonimato revelaram que o Reino Unido estará disposto a pagar até 40 mil milhões pelo Brexit.

E, segundo referiu a Autoridade de Estatística do Reino Unido, no decorrer da campanha do referendo, o Tesouro pagou as contribuições do Reino Unido a Bruxelas após ser aplicado o desconto que, nesse ano orçamental, foi totalizado em 4,800 milhões de libras (5,314 milhões de euros), representando um pagamento líquido de 12,2 mil milhões de libras (13,5 mil milhões de euros).

A União Europeia tinha exigido ao Reino Unido entre 60 mil e 100 mil milhões de euros para responder aos compromissos económicos que tinha assumido antes de se iniciar o processo do Brexit, a 29 de Março.

De acordo com as três fontes governamentais citadas pelo The Telegraph, que não quiseram ser identificadas, a primeira-ministra poderá fazer uma oferta entre os 30 mil milhões e os 40 mil milhões de euros.

"Sabemos que a actual posição da UE está nos 60.000 milhões de euros, ainda que o seu verdadeiro limite seja 50.000 milhões".

O diálogo oficial sobre as condições da saída do Reino Unido começou em junho, mas Bruxelas insiste que a futura relação bilateral só começará a ser abordada depois de estarem clarificadas questões como a dos direitos dos cidadãos e a da fronteira na Irlanda do Norte, além da factura da saída.

A União Europeia espera concluir as negociações no Outono de 2018, para que o acordo possa ser assinado antes de dia 29 de Março de 2019, a data limite.

Artigos relacionados