Brasileiros devem gastar R$ 10,7 bi em presentes — Dia dos Pais

Brasileiros devem gastar R$ 10,7 bi em presentes — Dia dos Pais

Para potencializar as vendas do Dia dos Pais, o comércio de Araçatuba funciona em horário especial no próximo fim de semana.

Os horários estendidos em datas comemorativas são definidos conforme acordo coletivo, firmado entre o Sincomércio e o Sindicato dos Empregados no Comércio de Piracicaba (Sincomerciários).

Por outro lado, as compras de presentes para os pais, com valor médio de R$ 125, também representam aumento de arrecadação para o governo às voltas com o déficit fiscal uma vez que, também na média, em cada venda, 46% do valor total são de impostos.

O Shopping Piracicaba e os supermercados trabalham com escalas próprias.

Contudo no caso de ter economizado e poder caprichar no presente do Dia dos Pais algumas sugestões são: cinto de couro, tênis da moda, barbeador elétrico, churrasqueira, poltrona, celular, pijama, camisa de linho, bateria portátil para eletrônicos, bicicleta, camisa jeans, perfume, relógio, câmera instantânea, paletó de algodão, cesta de café da manhã, entre outras coisas.

A Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC) estima que o próximo Dia dos Pais deve movimentar R$ 5,2 bilhões, uma alta de 3,1% na comparação com o mesmo período de 2016. No Estado, as vendas devem atingir R$ 52,3 bilhões, enquanto na região de Campinas, o montante está previsto em 4,6 bilhões no mês.

O Dia dos Pais será celebrado no próximo domingo (13), mas muitos filhos deixam para comprar o presente do paizão na última hora e ficam perdidos entre tantas opções. O preço do televisor subiu apenas 1,64% no acumulado dos últimos 12 meses até junho.

No grupo de vestuário e calçados, o agasalho masculino foi o que sofreu maior queda (-3,6%), seguido pela calça comprida masculina (-0,39%) e camisa/camiseta masculina (+2,29%). O crédito mais barato tem seguido o movimento de queda da taxa básica de juros (Selic).

Artigos relacionados